Os 10 Mandamentos das Novelas

Muitas novelas vão ao ar anualmente, muitos roteiros são produzidos e muita história é contada, mas o que ninguém sabe é que existe uma fórmula por trás de tudo isso, por isso o Haznos orgulhosamente apresenta: Os 10 Mandamentos das Novelas

1) Não mostrarás nenhum personagem fazendo alguma coisa produtiva. Todos os magnatas serão focalizados em férias ou praticando atos que nada tenham a ver com seus empregos oficiais. A exceção são as empregadas domésticas, colocadas estratégicamente espanando os móveis com a única função de espionar a vida íntima dos patrões.

2) Mostrarás, sempre, os doze casais principais da intriga, encontrando-se, no mesmo dia e na mesma hora, num mesmo restaurante do centro da cidade, porque o Guia dos Restaurantes certamente nunca é consultado pelos produtores da novela.

3) Guardarás, invariavelmente, o segredo que resolve toda a trama do enredo durante torturantes 180 capítulos. Este segredo é resgatado, sempre, da forma mais fácil e banal possível.

4) Farás com que todos os personagens do núcleo dos pobres se apaixonem pelo núcleo dos ricos, e vice-versa. O pior: farás com que qualquer jovem milionário largue tudo para morar com sua amada num barraco em alguma favela.

5) Jamais farás com que os grandes ladrões sejam presos, eles, têm o dever de sempre morrer em algum acidente fora do normal, seja durante uma perseguição ou em uma acidente que leve o vilão a explodir com todo o dinheiro.

6) Exibirás, apesar da crise econômica que assola o Brasil, sempre mesas fartas, com frutas, frios e o que quer que seja. O que será, sem dúvida, uma ótima forma de anunciar cervejas, eletrodomésticos e marcas de refrigerantes.

7) Mostrarás cenas de sexo, divórcio e traição. Hoje em dia o público não vive sem isso.

8) Mostrarás sempre a classe dos serviçais (empregadas, mordomos e motoristas) que, mesmo quando seus patrões estão arruinados e impossibilitados de lhes pagar os salários, continuam trabalhando de graça, sempre com grandes e amorosos sorrisos.

9) Criarás fatos surpreendentes: todos os pobres ficam ricos e todos os ricos ficam pobres. Só que o padrão não se modificará, porque os ricos que ficaram pobres vão se casar com os pobres que ficaram ricos, numa interminável sucessão de matrimônios ridiculamente encenados.

10) Farás com que toda a enorme confusão que norteou a trama das novelos durante todos os intermináveis capítulos seja resolvida no episódio final, para o bem do Ibope.

Texto inspirado em um antigo artigo da revista Mad.

Fonte: Haznos

5 Maneiras pelas quais Hollywood nos Engana para Assistirmos Filmes Ruins

O TecnoPOP explica como as grandes produtoras de Holliwood conseguem nos enganar para assistir os piores filmes que existem, e dá vários exemplos interessantes mostrando como os trailers foram cuidadosamente enganosos, sexualizados, polêmicos ou paródicos. Leia aqui…

Os estúdios de cinema raramente se preocupam se o filme que estão produzindo é “bom” ou “ruim” ou mesmo “tecnicamente pornográfico”. Só há uma motivação, e se você não consegue deduzir qual é, há uma boa chance desta ser a primeira vez que você ouve falar do sistema econômico conhecido como capitalismo.

Na rara ocasião de um produto inferior escapar do controle de qualidade e ser lançado, os produtores de Hollywood têm uma série de truques para lhe convencer a assisti-los mesmo assim.

Aqui listamos os 5 mais vergonhosos truques usados:

Truque nº 5: O gênero “Propaganda Enganosa”

Às vezes mesmo os filmes com as maiores estrelas e diretores famosos são difíceis de ser comercializados. Talvez o enredo não possas ser explicado em oito palavras ou menos. Talvez ele seja muito carregado de “temática” e “desenvolvimento de personagens” e possua muito pouco do que realmente importa como “grandes decotes” e “explosões”.
Seja qual for o caso, não é nada que uma edição de trailer bem criativa não possa resolver.

Soldado Anônimo (Jarhead)

O Filme: Uma deliberadamente lenta meditação sobre o tédio e isolamento surgido durante a Guerra do Golfo. Muitos o descreveram como “o filme de guerra sem a guerra”, uma frase que junto a “deliberadamente lento” e “meditação sobre o tédio” fazem as top-3 “Frases que os Produtores Verdadeiramente não Querem Ouvir”.

Para a sorte dos produtores, o trailer coloca a maldita guerra de volta no filme.

 

As batalhas e outras manobrinhas apresentadas no trailer falsamente prometem um filme que estaria em algum lugar entre O Resgate do Soldado Ryan e Loucademia de Polícia 8. É claro que isto não passa um jogo de espelhos criado na sala de edição de trailer. Mesmo a cena de Jake Gyllenhall fugindo de fogo inimigo aos 1min22seg do trailer acaba se revelando nada mais que simples fogos de artifício.

Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet (Sweeney Todd)

Algumas pessoas gostam de musicais. Algumas pessoas gostam de filmes de terror incrivelmente sangrentos. Contudo, quando o sangrento-embora-melódico Sweeney Todd estava quase terminado, os produtores fizeram um trágica descoberta:

venn_todd.jpg

Um pouco de criatividade no trailer resolveu a questão…

 

Outro maravilhoso personagem maluco de Johnny Depp? Sotaque britânico? Barcos? Ah, então deve ser um Piratas do Caribe para a Alta Sociedade!

Maldita Sorte (Good Luck Chuck)

Neste filme também recém lançado, várias mulheres querem transar com Dane Cook por um motivo forçado e difícil de explicar. O trailer original se esforça tremendamente para lhe convencer de que Dane Cook deve ter permissão de estrelar um filme.

 

Os produtores eventualmente perceberam que não apenas a estrela coadjuvante Jessica Alba é uma celebridade de verdade, como também é um belo colírio pra homarada de plantão. Então um novo trailer foi rapidamente editado:

 

Oras, Dane Cook quase nem aparece no filme! E a única vez que o ouvimos ele está emitindo gemidos de dor ao ser abusado por uma Jessica Alba de lingerie! Vamos para a bilheteria, companheiro!

Fonte: http://tecnopop.info/pop/?p=1410